Para adultos e jovens (ficção)

 

Rampa

(para adultos e  jovens a partir de 14 anos)

8.g.g6ª. Edição  Editora Record – RJ

 

Trata-se de uma ficção que aborda um tema fundamental nos nossos dias: o desemprego e a questão do preconceito social contra os excluídos da sociedade – sentimento muitas vezes inconsciente -, em contraponto com a solidariedade e empatia que se deseja existam na sociedade. A história de Alberto, um engenheiro que, por uma série de circunstâncias é abandonado pela família, perde o emprego e todos seus bens materiais, e acaba indo morar nas ruas da cidade do Rio de Janeiro, é o pretexto para que a autora coloque o leitor frente à nudez dura e feia de questões básicas como sobrevivência, dignidade, honestidade, amor, preconceito, solidariedade.

Tomando por base dois anos de observação direta da vida dos sem-teto nas ruas do Rio de Janeiro, a autora consegue trazer para o leitor, a angústia do cotidiano daqueles que tendo perdido tudo, mas não sendo marginais nem mendigos, tentam, de todas as formas, manter a dignidade e refazer suas possibilidades sociais. Tania faz da história de Alberto, um angustiante questionamento das reais condições que pode ter uma pessoa que “desce a rampa” na nossa hostil, crítica e indiferente sociedade.

Com texto ágil e moderno, o leitor logo se sente preso ao personagem, incorpora seu sofrimento e medos, torce, chora e sofre por ele.

Rampa é um “soco no estômago”, um remédio amargo que todos devem tomar, como contribuição à consciência e à luta pela dignidade e empatia humanas.

Compre Aqui!

 

TOPO   INÍCIO